Assepsia em cervejarias

Assepsia em Cervejarias

A assepsia é um tema super relevante em uma cervejaria. A probabilidade de haver contaminações deixam cervejeires de cabelo em pé!

Toda cervejaria precisa ter um plano de higienização definido não apenas de equipamentos, como também de utensílios, móveis e instalações. Olha as Boas Práticas de Fabricação novamente batendo a nossa porta…

Pois é, a IN nº 05 de 2000 do MAPA, aborda sobre os requisitos de Higiene.

Clique aqui para nosso curso de BPF

Para falar um pouco mais sobre esses processos, agendamos uma Masterclass gratuita para conversarmos um pouquinho sobre assepsia.

A masterclass não ficará gravada e será realizada ao vivo e online no dia 07 de julho às 20:00 horas. As pessoas interessadas devem se inscrever no link abaixo para garantir sua vaga lá. Será uma hora de aula abordando diversos assuntos que envolvem o processo de Higienização. Convidamos você a interagir conosco. Compartilhe esse post para que mais pessoas tenham a oportunidade de ter uma aula gratuita sobre um tema tão importante.

Leia também: Quem é responsável pelo controle de pragas?

Chiara Rêgo Barros é Engenheira Química especialista em Gestão da Qualidade e Produtividade e em Biotecnologia e Bioprocessos, Cervejeira Profissional e Bier Sommelière. Com mais de 15 anos de experiência na área de Produção e Tecnologia Cervejeira, atua como Consultora Técnica para Microcervejarias e Professora no Instituto Ceres de Educação e Consultoria Cervejeira, além de ministrar aulas na Bräu Akademie, SENAI e SENAC.

#DICA05 DE ASSEPSIA DOS TANQUES

🧐Quando falamos de assepsia dos tanques, precisamos garantir que a solução seja distribuída uniformemente pelas paredes. A pressão no spray ball deve ser intensidade suficiente para atingir as paredes e para que essa solução atinja todos os pontos.

💲O custo da assepsia pode ser reduzido dependendo da escolha do spray ball. Devido a maximização da eficiência, pode-se reduzir não só o tempo de assepsia, como também a quantidade de produto e de água de enxágue.

🔍Outro ponto importante é a inspeção desse dispositivo. O sprayball deve ter uma fixação que permita a retirada para limpeza e desobstrução, caso necessário. Esse processo de limpeza deve estar no seu plano de manutenção periódica.

⚠Locais de difícil acesso, a segurança do colaborador, a adequação do sprayball a seu tanque, todos esses pontos precisam ser avaliados antes da compra do equipamento para que você tenha um ambiente seguro e uma maior eficiência no seu processo de assepsia.

Chiara Rêgo Barros é Engenheira Química especialista em Gestão da Qualidade e Produtividade e em Biotecnologia e Bioprocessos, Cervejeira Profissional e Bier Sommelière. Com mais de 15 anos de experiência na área de Produção e Tecnologia Cervejeira, atua como Consultora Técnica para Microcervejarias e Professora no Instituto Ceres de Educação e Consultoria Cervejeira, além de ministrar aulas na Bräu Akademie.